sexta-feira, 18 de março de 2011

Social

.

Olá.

Redes sociais é o que menos falta na internet. Orkut, Facebook, Twitter, MySpace, Cromaz, uma pá de coisa. Particularmente prefiro o Orkut, apesar de gostar bastante do Facebook (que possui gente de tudo quanto é lugar do mundo). Fora que existe aqueles sites que servem como um espaço para você colocar fotos, pensamentos, o que quiser, como o Tumblr, o Flickr e até mesmo esse blog que eu estou escrevendo agora. Mas, qual o propósito de ter tanta coisa assim se o motivo é o mesmo?

Na verdade, é o mesmo motivo pelo qual existe variadas marcas de qualquer produto: ver qual o melhor e qual tem mais usuários. Teoricamente, o objetivo de existência de uma rede social é socializar, fazer amigos, ou mesmo encontrar amigos antigos. Mas essas redes investem em muitas outras coisas, como aplicativos em geral, joguinhos. É exatamente igual a um celular moderno, cujo objetivo inicial era telefonar sem estar necessariamente em casa, mas agora tem jogos, mp3, câmera fotográfica, acesso a internet, etc. Mas, o que me levou a fazer essa postagem não foi falar de marketing ou utilitários de uma rede social. O que me levou a fazer essa postagem foi minha intriga com relação a pessoas que não gostam de fazer amigos e que possuem redes sociais. Por que será?

Tenho uma teoria. Posso estar totalmente errado, mas tanto faz. Anyway, existem dois tipos de gente antissocial: as de fato e as que gostariam de ser. Os que gostariam de ser apenas acham que por ser uma pessoa "diferente" do costume, elas tem menos amigos que os outros e já se colocam abaixo. E, esse tipo de pessoa normalmente usa uma rede social para lotar perfis, sendo que não fala com ninguém e depois vem com um "chorinho" de "ninguém me ama, ninguém me quer". E as pessoas que são de fato antissociais, elas tem uma conta em rede social para aprofundar-se na sua tristeza e expor que é uma pessoa solitária, muitas vezes em vão. Então, somente o usam para manter contato com seus amigos.

(Eu acho muito engraçado, as pessoas tem um perfil e logo no começo já está escrito "não add desconhecidos!". Que coisa mais sem nexo, uma rede SOCIAL com gente não querendo ter amigos...)

Sempre que alguém me adiciona, eu aceito tranquilamente. Só acho chato quando alguém me adiciona e não responde quando eu mando alguma coisa, quando, no geral, não mantém contato comigo (aí eu excluo). Daí, venho pensando: por que certas pessoas tem mania de esnobar? Um ego muito alto? A vontade de querer se sentir superior a alguém? Se acham muito para tal pessoa? Quando eu percebo que a pessoa tem uma dessas características, começo a ficar com um pé atrás enquanto converso com ela. Sinceramente, uma das coisas que eu mais odeio em uma pessoa é quando ela tem o ego maior que o mundo. Mas, apesar disso, tento sempre provar que sou diferente, continuo a conversar sendo o melhor possível.

Com tantas opções, tantos grupos de pessoas que podem possuir os mesmos gostos que você, continuam com essas manias de querer ser antissocial ou querer ser o maior de todos. Tsc, tsc, tsc...

Tchau.

.